Tipos de pavimentos


Em países com rede rodoviária expressiva, como o Brasil, o reforço das vias existentes pode ser tão importante quanto a construção de novas. O pavimento de uma rodovia, chamado de superestrutura, é responsável por diluir as cargas verticais geradas na via, sendo constituído por um sistema de camadas de espessuras definidas sobre a infraestrutura ou terreno de fundação, chamado de subleito. De forma geral os pavimentos são classificados em flexíveis, semi-rígidos e rígidos. PAVIMENTO FLEXÍVEL São constituídos por uma ou mais camadas (reforço de subleito, sub-base, base), que não trabalham à tração, e por uma camada superior (revestimento), resistente à tração, normalmente executada com materiais betuminosos. PAVIMENTO RÍGIDO São constituídos, predominantemente, por camadas que trabalham à tração, também conhecidos por pavimentos de concreto de cimento Portland. A laje de concreto faz o papel das camadas de base e revestimento dos pavimentos flexíveis. Apresenta maior custo inicial e menor custo em manutenção, quando comparado ao pavimento flexível. PAVIMENTO DE ALVENARIA POLIÉDRICA Considerado como pavimento flexível, segundo DNIT (2006), é usado em lugares onde a carga máxima por eixo é de 10 toneladas. Constituído basicamente por base, camada de areia e peças pré-moldadas de diversos materiais, como por exemplo o concreto. O Engenheiro Civil é responsável por dimensionar cada camada do pavimento, levando em consideração o tipo de tráfego para cada situação e período de manutenção. Vanguarda, compartilhando ideias!

Arquivo
Procurar por tags

Relacionados

  • Preto Lugares Ícone Google
  • Black Instagram Icon
  • Black Facebook Icon